MISSÃO

O Centro de Formação do Alto Cávado tem por missão proporcionar formação ao pessoal docente e não docente, em funções nas escolas associadas, para o exercício da função educativa, para o exercício do apoio à ação educativa e, ainda, para o exercício de funções de gestão e administração, tendo em vista assegurar a atualização, a reconversão e o aperfeiçoamento profissional, tendo sempre em conta os contextos vivenciais.
O Centro tem ainda por missão colaborar na avaliação do pessoal docente no âmbito das suas competências, nomeadamente no que concerne à coordenação e gestão da bolsa de avaliadores externos.

vilaverde
Moure – Carranca
Prado – PonteII
T. Bouro – Pontes R. Caldo
Prado – ponte
T. Bouro – Vilarinho
Amares – ponte do porto
Amares – Mosteiro Bouro
VV lenço

Candidatura ao POCH

barra logos POCH

AVISO n.º POCH-67-2017-03

O CFAC submeteu, em 30.03.2017, no âmbito do aviso acima referido, uma candidatura ao eixo 4 (Qualidade e inovação no sistema de educação e formação), na tipologia da operação 4.2 (Formação Contínua de docentes e gestores escolares). A referida candidatura foi aprovada em 31.10.2017 e desenvolver-se-á nos anos letivos 2016/17 e 2017/18, sendo que a data da sua conclusão está prevista para 30 de junho de 2018.

Conforme se refere no AVISO, a presente tipologia de operação apoia o programa de formação contínua dos docentes e formadores da educação pré-escolar e dos ensinos básico e secundário, contribuindo para a melhoria da qualidade do ensino e a valorização profissional dos docentes e dos gestores escolares. O apoio a esta formação tem um papel determinante, na/o: i) Promoção de práticas que permitam antecipar e prevenir o insucesso, através de uma aposta na intervenção precoce, em detrimento de um enfoque em estratégias remediativas; ii) Capacitação dos agrupamentos de escolas e escolas não agrupadas para a reflexão sobre práticas locais e para o desenvolvimento de estratégias inovadoras e indutoras de mudança; iii) Satisfação das prioridades formativas necessárias à implementação das medidas preconizadas tendo, assim, em vista, a concretização dos respetivos projetos educativos e planos de ação estratégica e a melhoria da sua qualidade e eficácia; iv) Satisfação das prioridades formativas dos docentes dos agrupamentos de escolas e escolas não agrupadas, tendo em vista a concretização dos projetos educativos e a melhoria da sua qualidade e eficácia; v) Melhoria da qualidade do ensino e dos resultados escolares dos alunos; vi) Desenvolvimento profissional dos docentes, na perspetiva do seu contínuo aperfeiçoamento ao longo da vida; vii) Desenvolvimento de competências profissionais orientadas para a melhoria da qualidade, eficácia e eficiência dos diretores e detentores de cargos de gestão escolar.

Na execução da candidatura estão previstos 530 participantes nas ações de formação de docentes, prevendo-se que destes, pelo menos, 85% concluam a formação.